• Ricardo Veras

Após apelo da Administração, Estado promete enviar mais doses da vacina contra a Covid-19

Após apelo da Administração, Estado promete enviar mais doses da vacina contra a Covid-19



Com a descoberta de nova variante do coronavírus e um apelo realizado pela Administração Municipal, através do prefeito, Nestor Tissot, secretário da Saúde, Jeferson Moschen e pelo coordenador do Gabinete de Crise da Covid-19, Ubiratã Luiz Alves de Oliveira – Dr. Ubiratã, Gramado terá acesso ao quantitativo maior de doses da vacina contra o coronavírus enviadas pela Secretaria Estadual da Saúde (SES).

Durante reunião realizada na tarde desta quarta-feira (21), a secretária estadual da Saúde, Arita Bergmann, informou que a SES está trabalhando em um estudo para corrigir possíveis defasagens na distribuição de doses da vacina contra Covid-19, e realizar remanejos que beneficiem municípios que tenham população maior do que as estimativas ou que vacinam muitas pessoas de fora do seu próprio território, como é o caso de Gramado e outras cidades serranas.

O estudo preliminar apresentado ao prefeito Nestor Tissot e que será concluído nos próximos dias em reunião da Comissão Intergestores Bipartite (CIB) mostra que Gramado possui um deficit de mais de 3 mil doses. Já nos municípios serranos, o quantitativo de doses insuficientes pode chegar a 20 mil. “Ficamos esperançosos, pois segundo a secretária, já nas próximas remessas de vacinas, Gramado receberá uma quantidade maior e vamos poder avançar na vacinação”, disse Nestor.

Segundo a secretária da Saúde, Arita Bergmann, as doses enviadas à Gramado estão formuladas com dados do Ministério da Saúde, porém os índices populacionais não condizem com a realidade da cidade. “Gramado é uma cidade atípica, pois possui duas populações, as residentes e as pessoas que se deslocam a passeio ou a trabalho, talvez isso não tenha sido considerado durante a distribuição elencada pelo governo federal”, destacou.

Crédito: Ascom/Prefeitura de Gramado