• Ricardo Veras

BRIGADA MILITAR DE CANELA PRENDE DOIS SUSPEITOS DE ROUBO EM ESTABELECIMENTO NO BAIRRO SÃO LUIZ

BRIGADA MILITAR DE CANELA PRENDE DOIS SUSPEITOS DE ROUBO EM ESTABELECIMENTO NO BAIRRO SÃO LUIZ



Um dos autores é suspeito do latrocínio ocorrido no mesmo bairro


Na manhã de quinta-feira (31/03), a rápida e eficaz ação da Brigada Militar de Canela prendeu dois indivíduos suspeitos de realizar o roubo a um mini mercado, no Bairro São Luiz, pouco depois do crime. Um dos indivíduos é suspeito de realizar o latrocínio em um mercado no mesmo bairro, que resultou na morte da proprietária, no último dia 17, e foi encaminhado ao presídio.


Por volta das 09h40, uma ligação anônima, via 190, relatou que três indivíduos teriam realizado o roubo em uma tenda, na Rua Dr. Rui Viana rocha, próximo a um condomínio. Rapidamente as guarnições aproximaram e conseguiram as imagens de câmeras de vigilância dos suspeitos, transitando pela rua.


Conforme a vítima, três homens chegaram ao local, a pé, realizaram algumas compras e saíram. Logo em seguida, dois deles retornaram e anunciaram o roubo. Um deles portando uma arma de fogo. A proprietária não reagiu e entregou os valores que tinha no caixa.


Com base nas imagens, foram realizadas averiguações e abordado um dos suspeitos saindo da residência da namorada, no Beco dos Perotos. No pátio foi encontrado jogado atrás da casa as roupas utilizadas no crime.


O homem de 31 anos, antecedentes por diversos furtos arrombamento, roubo, posses e tráfico de entorpecentes, foi reconhecido pela vítima. Ele ainda é o principal suspeito do latrocínio ocorrido no dia 17/03 em um mercado também no Bairro São Luiz.

O autor foi preso em flagrante e será encaminhado ao presídio de Canela


O outro suspeito, de 27 anos, estava ao lado da casa e também foi conduzido a delegacia onde seria interrogado.


O capitão Ubirajara da Rocha Dill, comandante da BM de Canela, destaca a ação dos Policiais Militares: “O trabalho da Brigada Militar teve a pronta resposta que a sociedade almeja. Toda a ocorrência, com as circunstâncias apuradas, estão sendo apresentadas na área policial para procedimentos legais, inclusive com a apresentação do indivíduo que também é suspeito do latrocínio ocorrido nesse mês”.