• Ricardo Veras

Câmara de Vereadores entrega três moções na Festa da Colônia de Gramado

Câmara de Vereadores entrega três moções na Festa da Colônia de Gramado


O Poder Legislativo de Gramado formalizou a entrega de três homenagens na noite da quinta-feira, dia 14, junto à 30ª Festa da Colônia. Acompanhe abaixo a descrição de cada uma das moções.

Festa da Colônia

A Moção de Aplausos pela passagem dos 35 anos de instalação e pela 30ª edição da Festa da Colônia em Gramado é de autoria da vereadora Rosi Ecker Schmitt (Progressistas).

A história do evento inicia em 1985, após uma conversa do então prefeito Pedro Bertolucci com Noré Frota Michalski. A primeira edição aconteceu naquele mesmo ano, no pavilhão da Prefeitura de Gramado, com cerca de 100 pessoas. Depois de um período, passou a ocorrer na Praça Major Nicoletti; e, em seguida, na Praça das Etnias. Em uma única edição, também esteve no Lago Joaquina Rita Bier. Após 2011, fixou-se no Complexo Expogramado.

Entre os anos de 1985 e 2010, a Festa da Colônia acontecia por meio de comissões. No entanto, após 2013, a Gramadotur tornou-se a gestora do evento. Hoje o encontro envolve aproximadamente 230 famílias (diretas e indiretamente) - com nove grupos nos fornos. Além disso, há 22 espaços nas feiras, sete biers, duas cozinhas e jogos de bocha e cartas.

Willian Ponath

A Moção de Aplausos que visa celebrar a conquista de Willian Ponath, da Cabanha das Hortências, pelos três prêmios na 44° Expointer, é de autoria das bancadas do PSDB e do Progressistas. Willian recebeu dois títulos com seus animais da raça Gir e um título com a raça Indubrasil.

Ponath é morador da localidade da Linha Marcondes, onde iniciou o seu investimento em 2010, com 14 anos. Naquele período, comprou duas terneiras - daí em diante, selecionou os melhores animais para seus devidos investimentos e projetos. O amor pelos animais vem da sua família, que sempre trabalhou e viveu de vacas holandesas.

Em fevereiro de 2020, Willian registrou sua cabana: a Cabanha das Hortênsias – ABCZ e começou a registrar seus animais para poder concorrer.

Laticínios Rupenthal

A Moção de Aplausos que homenageia a conquista do Laticínios Rupenthal com o 2º Melhor Queijo Colonial do Estado na 44° Expointer é de autoria das bancadas do Progressistas e do PSDB.

A tradição de trabalhar com leite vem de família, mas foi em 2016 que os filhos de Romeu e Silvane iniciaram com o Laticínios Rupenthal. Foi ali que Everson e Rafael começaram a agregar produtos para gerar mais valor ao leite.

Hoje o Laticínios Rupenthal é composto por 45 vacas em lactação, produzindo em média 1,3 mil litros de leite por dia. Da maior parte do leite são feitas produções próprias.

Vereadora Rosi Ecker Schmitt (Progressistas), autora da moção para a Festa da Colônia: "O evento vem se transformando todo ano e mudando sempre para melhor. Os agricultores são os protagonistas. Eles são a nossa Festa".

Vereador Ike Koetz (Progressistas), líder de bancada autora das moções para Willian e Laticínios: "É um orgulho imenso fazer parte dessas homenagens. Nossos colonos são as grandes estrelas e merecem o mais caloroso aplauso".

Vereador Professor Daniel (PT), presidente do Legislativo: "Precisamos reverenciar quem está fazendo os bolinhos, as jantas, quem está expondo os seus produtos. Não podemos olhar para o interior como um lugar ultrapassado".

Nestor Tissot, prefeito de Gramado: "Estes incentivos fazem com que as pessoas se motivem. A retomada dos eventos é fundamental, especialmente com eventos que temos tanto carinho".

Willian Ponath, homenageado: "Eu comecei muito cedo, mas sempre tive interesse pelo interior. Foi a paixão desde a infância que me incentivou".

Romeu Rupenthal, homenageado: "Eu fico muito feliz porque vejo que nossos filhos estão indo bem".

Fotos: Paulo Vargas/Divulgação Câmara de Gramado