top of page
  • Foto do escritorRicardo Veras

Executivo esclarece dúvidas da imprensa em coletiva

Executivo esclarece dúvidas da imprensa em coletiva



Na manhã desta sexta-feira (24), o prefeito Nestor Tissot e secretários municipais receberam a imprensa nacional na Prefeitura de Gramado para uma coletiva onde os profissionais de comunicação puderam sanar suas dúvidas sobre a situação de Gramado nos últimos dias.

O prefeito iniciou ressaltando que a Prefeitura de Gramado vem atuando em conjunto com os órgãos de segurança para auxiliar a população e disse que novos técnicos virão para Gramado no domingo (26) e aproveitarão a previsão de sol para realizar estudos com equipamentos específicos. Na segunda-feira (27), o prefeito Nestor Tissot irá para Brasília onde visitará a Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil e outros órgãos em busca da ágil liberação de recursos.

A procuradora-geral de Gramado, Mariana Melara Reis, destacou que a coletiva foi realizada com o objetivo de atualizar as informações e também combater as inúmeras informações falsas sobre a situação de Gramado que circularam nos últimos dias. Mariana contou que o município declarou Estado de Calamidade Pública em virtude do agravamento da situação de emergência e consequente desastre classificado e codificado como “Movimento de Massa” na Classificação e Codificação Brasileira de Desastres. (https://gramado.mentor.metaway.com.br/diario/#/diario/491)

O secretário de Planejamento, Rafael Bazzan, esclareceu que o prédio que ficava localizado na Ladeira das Azaleias e que caiu nesta quinta-feira (23), foi interditado em 2020 após vistorias da Defesa Civil por meio de pedido realizado no Fala Cidadão. O prédio seguia interditado desde então e a sua ocupação era irregular.

A secretária do Meio Ambiente, Cristiane Bandeira, ressaltou que as atenções da Prefeitura nunca estiveram voltadas somente ao prédio, já que a maior preocupação é um olhar para o todo do município, com estudos voltados, neste momento, para as áreas mais atingidas pelas chuvas, como o bairro Três Pinheiros, bairro Planalto, Loteamento Orlandi e linhas rurais. A secretária ainda destacou que um estudo do CPRM, feito em 2015 para a construção do Plano Diretor indicou as áreas de risco do Município, e nenhuma delas teve problema com as chuvas dos últimos dias.

Os representantes do município destacaram também que a área central não foi atingida e que os parques, restaurantes, hotéis e atrações estão funcionando normalmente. Segundo dados da Defesa Civil de Gramado, atualmente cerca de 526 pessoas estão fora de casa e 45 delas ocupam abrigos montados pela Prefeitura nos ginásios do bairro Piratini e da Viação Férrea.

Kommentare


Em destaque

Verifique em breve
Assim que novos posts forem publicados, você poderá vê-los aqui.
bottom of page