top of page
  • Foto do escritorRicardo Veras

PRF flagra caminhão com excesso de peso em quase 45 toneladas de areia

PRF flagra caminhão com excesso de peso em quase 45 toneladas de areia



O peso aferido em balança da combinação passou de 100 toneladas

A Polícia Rodoviária Federal abordou um caminhão transitando com 44,580 quilogramas de excesso de peso na BR 116, em Sapucaia do Sul. O condutor disse que a carga de areia saiu de Cristal e seguiria até Caxias do Sul, totalizando um percurso de aproximadamente 280 quilômetros.

O caminhão possuía, juntamente com os semirreboques e a carga, limite de 57 toneladas e estava pesando 101,58 toneladas, gerando uma diferença em seu Peso Bruto Total Combinado (PBTC) de 44,580 toneladas, além de excesso de Carga Máxima de Tração (CMT) de 21,580 toneladas. Ele foi retido para transbordo da carga, já que, além de ser infração, o excesso de peso nos caminhões geram riscos potenciais à segurança no trânsito, de modo que os efeitos desta conduta comprometem a estabilidade do veículo e a capacidade de frenagem.

Além de afetar a capacidade de condução, o excesso de peso gera danos ao pavimento com consequente prejuízo aos veículos que circulam pelas vias, também acarreta concorrência desleal para com aqueles que transportam suas cargas dentro dos limites.

Com o objetivo de reduzir o risco de acidentes graves, congestionamentos, e até mesmo o gasto com manutenção das rodovias - todas repercussões geradas a partir do tráfego de veículos com carga em excesso -, a PRF realiza constantemente ações de fiscalização visando inibir esta conduta. Entre 2022 e 2023, 178 acidentes graves no RS envolveram caminhões, sendo que aproximadamente 40% destes aconteceram por reação tardia, falhas mecânicas e de freio, carga excessiva ou mal acondicionada.

Entre 2022 e 2023, as fiscalizações nas rodovias do RS resultaram em quase 16.700 toneladas de peso em excesso e em 3.488 veículos autuados e retidos para transbordo.

Fonte: PRF


Comments


Em destaque

Verifique em breve
Assim que novos posts forem publicados, você poderá vê-los aqui.
bottom of page