• Ricardo Veras

NOTA DA FIOCRUZ

Estudo recém-publicado com a participação da Fiocruz sugere que a variante Delta do novo coronavírus, identificada inicialmente na Índia, pode aumentar o risco de reinfecções. A pesquisa, liderada pela Universidade de Oxford, aponta que o soro de pessoas previamente infectadas por outras cepas é menos potente contra esta variante viral.



O problema foi observado de forma marcante entre os indivíduos anteriormente infectados pela variante Gama, identificada originalmente em Manaus, e pela variante Beta, detectada pela primeira vez na África do Sul.


Embora as vacinas continuem efetivas contra a Delta, os dados mostram que o soro de pessoas imunizadas também tem potência reduzida contra esta variante.


Leia mais: bit.ly/3Aa5dLQ